Logo1 phone a2ac9295b7cd9f18783c1f57a4953187307f8ef24bc5a74dc9b35928b86a8534

Escola Agrícola de Jundiaí sedia evento que apresenta casos de sucesso do Pronatec- Bolsa Formação

A Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ), Unidade Especializada em Ciências Agrárias da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) iniciou nesta quarta-feira (15) a apresentação de casos de sucesso do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), modalidade Bolsa-Formação, na sede da instituição em Macaíba. O evento contou com a presença do Diretor de Articulação e Expansão de Educação Profissional e Tecnológica da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação, Bruno Pereira Ribeiro.

Criado em 2011, o Pronatec tem como objetivo expandir, interiorizar e democratizar a oferta de cursos de educação profissional e tecnológica no país, que busca ampliar as oportunidades educacionais e de formação profissional qualificada de jovens, trabalhadores e beneficiários de programas de transferência de renda. R$ 13 bilhões foram investidos no Programa desde a sua criação.

Com o objetivo de integrar instituições ofertantes e demandantes, além de destacar a importância do Programa e discutir as perspectivas para 2019, o evento tem a participação de diversas Instituições de Ensino Superior do país, como: Escola de Música (UFRN), Escola de Saúde (UFRN), Colégio Agrícola Dom Agostinho Ikas (UFRPE); Instituto Federal de Alagoas, Universidade Federal da Paraíba, Escola Agrotécnica (UFRR); Instituto Federal do Rio de Janeiro, Instituto Federal do Pará, Escola Técnica de Saúde (UFPB), Colégio Técnico Bom Jesus (UFPI), Colégio Técnico (UFRJ), Escola Técnica de Saúde (UFPB), Fundação Indaiatubana de Educação e Cultura (FIEC), CEFORES - Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Prefeitura do Recife e Condetuf.

Em fala, o Diretor de Articulação e Expansão de Educação Profissional e Tecnológica da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação, Bruno Pereira Ribeiro, destacou que o momento é de avaliar e revisar o Pronatec.

“Essas experiências exitosas selecionadas pelos próprios ofertantes, isso nos darão um conhecimento mais profundo a respeito de algumas atividades do Programa, principalmente da Bolsa-Formação. Hoje, estamos em um momento de reflexão e avaliação não só dos resultados, como também na questão do modelo de financiamento na educação tecnológica como um todo, para que possamos tomar uma decisão política pautada principalmente na eficiência”, declarou Bruno Pereira.

Para o Coordenador Geral do Pronatec/EAJ-UFRN, Prof. João Inácio da Silva Filho, os resultados atingidos pelo Pronatec Bolsa-Formação no Rio Grande do Norte foram muito positivos. “Nós da Escola Agrícola de Jundiaí chegamos a 140 municípios do Rio Grande do Norte beneficiando mais de 54 mil pessoas em 2417 cursos de Formação Inicial e Continuada (FIC) e 115 cursos técnicos, em cada município, vila, assentamento em que aconteceram os cursos do Pronatec foi possível que a população conhecesse um pouco do Universo que existe no meio acadêmico. Surgiram projetos de pesquisa e extensão, geramos renda, melhoria da qualidade de vida e abrimos as portas da Universidade de forma gratuita e de qualidade”, destacou o Prof. João Inácio.




Veja também


Aws4 request&x amz signedheaders=host&x amz signature=66b737b038c411763327cde4438deca70ca6cfcc61793fa064101aaaab56f614

15 Maio

Escola Agrícola de Jundiaí sedia evento que...

A Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ), Unidade Especializada em Ciências Agrárias da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) iniciou nesta quarta-feira (15) a apresentação de casos de...

Ver Mais

Aws4 request&x amz signedheaders=host&x amz signature=66b737b038c411763327cde4438deca70ca6cfcc61793fa064101aaaab56f614

15 Maio

Escola Agrícola de Jundiaí sedia evento que...

A Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ), Unidade Especializada em Ciências Agrárias da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) iniciou nesta quarta-feira (15) a apresentação de casos de...

Ver Mais

Comentários


Ninguém ignora tudo. Ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa. Todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre.

Paulo Freire
Ufrn 3f6e56fba88a23c72437b67595784f8d38e7dfc661c43e0b302ac5fa572424b9
Patria2016 4d0105e3054479ed215f0cf6f153c6d2370fe01a0558fff5ad020a3026f7685c
Eaj 0e0a09e439e16789ea6922e1fc790f810402cc90ea89522026b738d57d8f015a
Pronatec c8274fb08a79a8e7e7677537a220cddce3fcddbac018cc39bfa5b1c649ce57c7
Ufrn 3f6e56fba88a23c72437b67595784f8d38e7dfc661c43e0b302ac5fa572424b9
Patria2016 4d0105e3054479ed215f0cf6f153c6d2370fe01a0558fff5ad020a3026f7685c
Eaj 0e0a09e439e16789ea6922e1fc790f810402cc90ea89522026b738d57d8f015a
Pronatec c8274fb08a79a8e7e7677537a220cddce3fcddbac018cc39bfa5b1c649ce57c7
Ufrn 3f6e56fba88a23c72437b67595784f8d38e7dfc661c43e0b302ac5fa572424b9
Patria2016 4d0105e3054479ed215f0cf6f153c6d2370fe01a0558fff5ad020a3026f7685c
Eaj 0e0a09e439e16789ea6922e1fc790f810402cc90ea89522026b738d57d8f015a
Pronatec c8274fb08a79a8e7e7677537a220cddce3fcddbac018cc39bfa5b1c649ce57c7
Ufrn 3f6e56fba88a23c72437b67595784f8d38e7dfc661c43e0b302ac5fa572424b9
Eaj 0e0a09e439e16789ea6922e1fc790f810402cc90ea89522026b738d57d8f015a